DDS Online

27 de Julho: Dia Nacional de Prevenção dos Acidentes de Trabalho - Reflexão

Autor e colunista: Marcos Paixão Lemos

Neste DDS especial, vamos refletir com você trabalhador o seguinte fato: todos os anos os índices estatísticos do INSS registram um aumento explosivo de trabalhadores como vítimas de acidentes no trabalho. Um grande contingente desses dados é derivado do componente imprudência, não usar os EPIs, falta de habilidade em operar equipamentos, ou imperícia, e muitas vezes, por falta de atenção ou trabalhar sob efeito de álcool ou drogas.

Na realidade, não queremos aqui nesse DDS crucificar você, como trabalhador, mas interagir como é possível melhorar e diminuir esse número expressivo de acidentes. Neste dia especial, não temos nada a comemorar, mas é um momento de reflexão às pessoas como pais de família mortos, trabalhando e deixando suas famílias órfãs! Portanto, como Cipista, quero deixar aqui algumas dicas para evitar que você fique afastado de suas atividades, afinal, prevenir é o melhor remédio, e a atitude preventiva é o melhor EPI no seu trabalho no dia a dia. Pense nisso!

Vamos refletir e verificar também como está meu dia a dia, como seres humanos, passíveis de erros, sempre há espaços para aprimorar e lapidar nosso comportamento preventivo concorda comigo? Por isso, descrevo algumas dicas relevantes para que cada um de nós, hoje, possa parar e pensar: Estou agindo assim?

1 - No desenrolar de sua rotina, atenção sempre é essencial. Se você trabalhar preocupado com contas a pagar, futebol, problemas conjugais, lazer pós-trabalho, estará sempre propenso a se distrair;

2 - Conhece o ditado: “o apressado come cru”? Evite trabalhar com pressa, correndo, isso só te deixa estressado e é um passo para burlar normas de segurança e acidentar-se;

3 - Evite brincadeiras fora de hora, afinal, trabalho é trabalho e não se misturam as duas coisas. Brincadeira pode tirar a concentração e causar acidentes;

4 - Ao operacionalizar suas atividades, tem dúvida? Não faça nada com embaraço, procure seu supervisor ou técnico;

5 - Antes de iniciar ações de rotina, não se esqueça de inspecionar todos os equipamentos com calma, fazendo um check list e se algo não estiver de acordo, pare e procure seu líder e informe-o as possíveis irregularidades evitando assim aborrecimentos futuros;

6 - Na sua área de trabalho, tem um novato? Acompanhe-o e oriente-o quantos aos riscos em potencial na área; lembre-se de que você já passou por isso; e que a insegurança dele, deixa-o mais vulnerável aos riscos de acidentes, então, fique de olho;

7 – Não improvise ferramentas que não são adequadas à sua função, e não dê um de “Severino” fazendo serviços aos quais não foi treinado, evitando assim acidentar-se por imperícia, ok?

8 – Além dos EPIs adequados ao seu trabalho, o mais importante é seu comportamento diante dos riscos: não seja autoconfiante demais; registre as anomalias de risco sempre; oriente o colega quando em condição insegura; conhecer bem sua área é essencial; e tenha espírito de equipe, colaborando onde for viável;

9 - Tenha o hábito de não perder os DDS, participe e interaja com sua equipe, refletindo sobre seus benefícios no dia a dia. Leve experiência que você conhece. APLIQUE O DDS – ATITUDE É O FOCO!

Concluindo, ao refletir essas dicas de prevenção, pergunte: Como está minha disciplina em relação à atitude preventiva? Como dia especial de reflexão, registro respeito/vida fazendo REC e diálogo comportamental? Valorizo essas ferramentas como VALOR À VIDA?

Você está aqui: Home Categorias Segurança 27 de Julho: Dia Nacional de Prevenção dos Acidentes de Trabalho - Reflexão