DDS Online

Boas práticas de higiene corporal

Higiene é a parte da Medicina que trata da conservação da saúde. Ou seja, trata a prevenção das doenças. Consiste em hábitos de limpeza pessoal, como por exemplo: tomar banho, lavar bem as mãos, cuidar da higiene oral (boca), ou seja, envolve cuidar do corpo todo.

Imagine a seguinte situação. Você está trabalhando e percebe que seu colega não está realizando uma boa higiene pessoal. O que faz numa situação como essa? Difícil, não? Agora, imagine se a situação se inverte, e você passa a ser o colega sem higiene?

Vamos conferir algumas dicas que podem ser feitas para que situações como essa não aconteçam. Os hábitos higiênicos são importantes porque ao nosso redor existem milhares de micro-organismos que podem ou não ser nocivos a saúde. Alguns são essenciais, como os que compõem a flora intestinal, fazendo com que o intestino funcione regularmente. Já outros mais conhecidos por germes (vírus, bactérias e fungos) são responsáveis por infecções e geralmente estão presentes na superfície de alimentos, água, objetos e inclusive no corpo humano. Assim, podem ser transferidos de pessoa a pessoa.

Alistamos alguns tópicos relativos à higiene corporal para que sejam tratados com atenção.

Boas práticas de higiene - tomar banhoTomar banho: Além da sensação de limpeza e bem estar, o banho diário permite que a sujeira acumulada no corpo durante todo o dia seja eliminada. Com ela, germes, poluentes, mau cheiro vão embora pelo ralo. O banho deve ser um hábito diário. Problemas como mau cheiro, assaduras, micoses, alergias, e doenças da pele podem ser evitados pelo simples fato de tomar banho.

Lavar os cabelos: Especialistas recomendam que os cabelos devem ser lavados pelo menos duas vezes por semana. Além do aspecto de sujeira, por causa da oleosidade, os cabelos também apresentam mau cheiro, causando sensação de desconforto. Não utilize água muito quente durante a lavagem, pois pode danificar os fios. Lave e seque bem os pés para evitar micoses.

Boas práticas de higiene - lavar as mãosLavar as mãos e unhas: Uma das coisas que aprendemos ainda quando crianças é que, antes de comer, depois de chegar da rua, ou sempre que possível, lavar as mãos com água e sabão. As mãos são um dos meios de transporte de maior contaminação, então é essencial que a higiene deste local seja muito bem feita. Unhas crescidas abrigam sujeira e isso causa repulsa. Então, não se esqueça de higienizar as unhas para ajudar na redução de doenças e transmissão de germes.

Limpar as orelhas: Se você é adepto de hastes flexíveis, elimine-os imediatamente! Quando usados de maneira incorreta, ao invés de ajudar, empurram a cera para a parte interna do ouvido, podendo causar infecções no local. As hastes flexíveis só devem ser usadas na parte externa (orelha). O mais adequado é, após o banho, limpar a área com a toalha e somente até aonde seu dedo alcançar, nada mais que isso. No caso de dores ou desconfortos, procure um médico, ele está habilitado para resolver problemas como esses.

Mantenha o corpo asseado e perfumado, use roupas limpas. Escove os dentes após as refeições, ao levantar-se e antes de dormir. Faça a barba diariamente. Evite bigodes e costeletas (se utilizados, devem ser: bem aparados, limpos e não exagerados). A higiene do corpo é importante para a saúde e redução de doenças da pele. Por isso, cuide-se!

Você está aqui: Home Categorias Saúde Boas práticas de higiene corporal