DDS Online

Enfermeiro, sua saúde é mais importante!

O enfermeiro é um profissional essencial no processo de proteção e recuperação da saúde. Muitos o classificam como mero coadjuvante, mas isso é um erro. É um agente ativo e indispensável no processo de cura dos pacientes. Antigamente não passavam de mais um membro de uma equipe do hospital, mas hoje tem papel de referência. Estatísticas revelam que hoje, são mais de cinco mil equipes hospitalares, sendo que cada uma delas, possui pelo menos um enfermeiro com caráter obrigatório.

Dessa forma o leque dos enfermeiros passou a abranger um maior número de setores de atuação, passando de somente da assistência ou cuidado direto ao paciente, para coordenação de equipes inteiras. Hoje, o enfermeiro não lida só com a assistência ao paciente que já apresenta uma doença, mas sim com a promoção da saúde.

Devido a todas essas mudanças, o setor da enfermagem passou a merecer mais atenção em relação aos riscos aos quais os profissionais estão expostos. Muitos lidam diariamente com exposições diretas a agentes nocivos à saúde, e precisam saber qual a melhor forma de prevenção da sua própria saúde. Pois antes mesmo de pensar no bem do outro, há a necessidade de pensar no seu próprio bem estar, caso contrário, como estar apto para suprir as necessidades alheias?

Enfermeiros atuam em diversos locais, mas os hospitais ainda vigoram como maioria. Nesse local, há uma série de fatores potenciais de riscos, podendo causar danos classificados como leves, moderados ou graves, e ainda acidentes de trabalho e/ou doenças ocupacionais. Dentre os riscos ambientais existentes, o mai comum em hospitais é o biológico.

- Agente Biológico: “Consideram-se agentes biológicos as bactérias, fungos, bacilos, parasitas, protozoários, entre outros”.

O risco biológico compreende a probabilidade da exposição ocupacional a agentes biológicos. A exposição ocupacional a agentes biológicos decorre da presença desses agentes no ambiente de trabalho, podendo-se diferenciar duas categorias de exposição:

“Exposição derivada da atividade laboral que implique a utilização ou manipulação do agente biológico, que constitui o objeto principal do trabalho. É conhecida também como exposição com intenção deliberada”.

Nesse tipo de exposição, o trabalhador já sabe que estará exposto a determinado agente. Dessa forma, já se sabe, de antemão, a quais riscos estará exposto.

“Exposição que decorre da atividade laboral sem que essa implique na manipulação direta deliberada do agente biológico como objeto principal do trabalho. Nesses casos a exposição é considerada não deliberada”.

O enfermeiro se encaixa nessa segunda classificação. Nesse caso, o trabalhador não sabe a qual ou quais tipos de riscos estará exposto. Daí surge uma grande preocupação com a prevenção dos mesmos.

Os agentes biológicos são capazes de causar danos à saúde que compreendem desde infecções até a morte. São classificados em uma tabela, em classes de risco que vão do um (1) ao quatro (4), de acordo com:

- O risco que representam para a saúde do trabalhador;

- A capacidade de propagação para a coletividade;

- A existência ou não de profilaxia ou tratamento.

Existem algumas medidas de controle universais, que os enfermeiros devem adotar, para sua própria segurança:

- Evitar procedimentos necessários com paciente fonte (potencialmente portadores de agentes biológicos), evitando risco de contaminação;

- Manutenção do agente restrito à fonte de exposição ou ao seu ambiente imediato;

- Realização de procedimentos de higienização e desinfecção do ambiente, materiais e equipamentos;

- Proteção das vias de entrada do organismo com o uso de EPIs;

- Lavar sempre as mãos, antes e depois de ter utilizado luvas;

- Caso apresente alguma ferida ou lesão nos membros superiores, procure um médico, e só volte a sua função após laudo médico;

- Não consuma alimentos ou bebidas no local de trabalho;

- EPI não é roupa. Ao sair do local de trabalho, retire todo o equipamento;

- Coloque o lixo no local adequado, de acordo com sua especificidade.

Podem parecer sem importância, mas essas medidas preventivas são a base para a preservação da saúde dos profissionais de enfermagem.

Cuide-se, para poder cuidar dos outros!

Você está aqui: Home Categorias Saúde Enfermeiro, sua saúde é mais importante!