DDS Online

Prevenção da Poluição, reduzindo impactos, gastos e acidentes

Conhecida como P2 pela Gestão Ambiental, Prevenção da Poluição atua sobre produtos e processos produtivos para minimizar a geração de resíduos, diminuir a poluição através de mecanismos, máquinas e equipamentos eficientes, poupa matéria-prima e energia em todas as fases dos processos.

Gera uma produção mais eficiente, adição de tecnologias adequadas, treinamento, conscientização, mas para isso requer mudanças de comportamento, em processos produtivos e produtos, ou seja, quebrar paradigmas e aceitar que as mudanças são necessárias.

O objetivo é reduzir a poluição na fonte, isto é, antes que eles sejam produzidos e lançados no meio ambiente em suas formas sólidas, líquidas e gasosas. Os rejeitos que sobram, pois nenhum processo é cento por cento eficiente, são captados, tratados e dispostos por meio de tecnologias de controle da poluição do tipo end-of-pipe.

End-of-pipe é uma tecnologia utilizada para o tratamento e o controle dos resíduos no final do processo produtivo, conhecido como fim-de-tubo.

A Prevenção à Poluição aumenta a produtividade da empresa, pois a redução de poluentes na fonte significa poupar recursos e matéria-prima, impactos significativos – gerando menos multa para empresa – gastos com grandes desperdícios e incide menos acidentes ambientais e doenças ocupacionais originadas de matérias tóxicas.

A empresa é beneficiada com redução de custos, caracteriza de maneira mais eficiente seus resíduos gerados e sua disposição final, reduz problemas com passivos ambientais, melhora as condições de trabalho e a imagem da empresa.

A Prevenção da Poluição combina duas preocupações ambientais básicas: uso sustentável dos recursos e controle da poluição.

Os instrumentos típicos para o uso sustentável dos recursos podem ser sintetizados através de algumas ferramentas, tais como: O Princípio dos 3 R´s, Reduzir, Reutilizar e Reciclar, que proporciona a condição de evitar a poluição, reduzir de maneira significativa e destinar de forma correta o resíduo gerado. Outra ferramenta da qualidade é a aplicação dos 5S´s Seiri - Senso de Utilização, Seiton – Senso de Arrumação, Seiso – Senso de Limpeza, Seiketsu – Senso de Saúde e Higiene e Shitsuke – Senso de Auto-Disciplina, que são conceitos também aplicáveis ao uso sustentável do recurso natural, pois possibilita a avaliação de como esta o patamar da utilização do insumo no processo produtivo, senso de ordem ou arrumação que evita o desperdício da matéria –prima, pois utiliza apenas o necessário, a higiene também é um fator fundamental para a qualidade do produtivo e a disciplina ou comprometimento de produzir com todos os padrões de qualidade.

Esses princípios também auxiliam no controle da poluição de maneira eficaz e eficiente, com a participação de uma série de documentos que caracterizam o resíduo, possibilita a realização de um inventário de emissões, entre outros que registram o controle desses processos.

Modificar equipamentos, substituir materiais, conservar energia, reusar e reciclar resíduos internamente, estabelecer planos de manutenção preventiva, rever a gestão de estoques estão entre as práticas administrativas e operacionais de prevenção da poluição.

Agora que você já conhece essas modalidades de preservação ambiental, evitando ao máximo a poluição, procure mais conhecimento de reestruture ao molde do segmento da empresa a qual trabalha, ou mesmo, utilize em casa e promova essa ideia junto aos colaboradores e conhecidos.

Você está aqui: Home Categorias Meio Ambiente Prevenção da Poluição, reduzindo impactos, gastos e acidentes